Projeto de lei obriga a prestação de socorro aos animais atropelados

Defensor assíduo da causa dos animais, já tendo apresentado vários projetos de lei para o benefício dos mesmos ainda na Assembleia Legislativa do Pará, o deputado federal Celso Sabino, apresentou hoje, 12 de março, um projeto de lei que obriga a prestação de socorro aos animais atropelados.

O atropelamento é uma das principais causas da morte de animas domésticos e de rua, em áreas urbanas. Em muitos dos casos, esses animais atropelados poderiam ser salvos se lhes fosse prestado o socorro devido.

Outro problema a ser levado em conta, é o atropelamento de animais silvestres em rodovias brasileiras, dadas as consequências para a conservação da fauna e para a própria segurança nas estradas.

Segundo levantamento realizado pelo CBEE/UFLa (Centro de Estudos em Ecologia de Estradas da Universidade Federal de Lavras), a cada segundo, no mínimo 15 animais silvestres morrem atropelados nas rodovias que cortam o Brasil. Já com as estatísticas da Polícia Rodoviária Federal em áreas urbanas, só no ano passado, foram registradas 822 ocorrências de atropelamento de animais que resultaram também em vítimas humanas, sendo 73 delas fatais.

“Além de proteger as vidas dos animais, buscamos aumentar a segurança das pessoas que transitam por essas vias, e reduzir as ocorrências dessas fatalidades. O objetivo desse projeto é assegurará proteção da vida em qualquer de suas formas”,justificou o autor do projeto.

Vale ressaltar que além deste projeto que pede mais atenção à criação de políticas públicas para a preservação da vida dos animais, o deputado Celso Sabino também integra a Frente Parlamentar em Defesa dos Animais, na Câmara, voltada para estudos e discussões de medidas que buscam promover o efetivo respeito e cuidado aos pequenos.